A cidade vista de passeio de barco pelo Lago Ontario - Crédito: Sylvia Barreto

Toronto além do básico

por: Sylvia Barreto
24 de maio 2019

Toronto, capital de Ontario, é uma cidade fervilhante e cheia de atrações. Visitar pontos turísticos como a CN Tower, o Royal Ontario Museum ou o Ripley´s Aquarium é praticamente obrigatório para qualquer turista, mas dá para ir além desse básico e conhecer ainda mais.

O Viajar é Simples selecionou algumas atrações para deixar sua viagem mais completa e com fotos que nem todo mundo tem em Toronto. E, se também quiser saber sobre essas atrações básicas, é clicar nesta matéria aqui!

Graffiti Alley
A arte de rua, assim como em outras grandes cidades do mundo, custou a ser reconhecida em Toronto. Mas, atualmente, as paredes com ilustrações viraram febre e são procuradas por muitos moradores e turistas.

A área mais famosa e com maior concentração de grafites é Graffiti Alley, perto da Spadina Avenue. A estação de metrô mais próxima é a Osgoode Station, a cerca de um quilômetro do local.

O artista Uber5000 tem vários murais no Graffiti Alley – Crédito: Sylvia Barreto

O ideal é colocar no Google Maps uma das seguintes localizações: 160 Rush Lane ou 160 Grafitti Alley. Vá caminhando e também aproveite as lojas e restaurante da Spadina Avenue. O bairro também fica pertinho de Chinatown, dá para combinar uma ida até lá e almoçar ou jantar comida chinesa.

Voltando ao Graffiti Alley, as ruas com mais arte parecem mesmo uns becos (traduzindo, alley é beco). São alguns quarteirões de paredes pintadas e é bom ir com calma para fazer boas fotos e apreciar tudo.

Uma das esquinas do Graffiti Alley – Crédito: Sylvia Barreto

Mais Uber5000 no Graffiti Alley – Crédito: Sylvia Barreto

O pontinho vermelho no Google Maps é o local ideal para começar a visita

MOCA Toronto
No quesito museu, o Museum of Contemporary Art Toronto (MOCA Toronto) é um dos mais novos da cidade. Ele reabriu em setembro de 2018 no histórico Tower Automotive Building, um espaço de 4.500 m² que abrigava uma fábrica de alumínio construído em 1919.

O museu mistura peças e exposições de artistas canadenses e do exterior. As mostras são divididas por andares e várias obras são interativas.

O MOCA Toronto fica no Lower Junction Triangle, West End da cidade. Saindo da CN Tower a distância é de sete quilômetros. O bairro é cheio de prédios de antigas fábricas que foram revitalizados, viraram estúdios e empresas descoladas. Também é bastante residencial.

Obra no MOCA Toronto – Crédito: Sylvia Barreto

A melhor maneira de chegar até lá é com o trem UP, o mesmo que vai até ao aeroporto. Saindo da Union Station, desça na estação Bloor GO e caminhe por cerca de 10 minutos até o museu.

O MOCA Toronto não abre às terças-feiras. O ingresso para adultos custa 10 dólares canadenses. Mais informações no site: www.museumofcontemporaryart.ca

O MOCA é dividido em andares – Crédito: Sylvia Barreto

Museum of Illusions
O Museum of Illusions (Museus das Ilusões em tradução livre) foi inaugurado em novembro de 2018 e é uma atração, no mínimo, divertida. Se estiver em Toronto com crianças é aposta certa para momentos de descontração.

Uma das atrações mais divertidas é o Vortex Tunnel. Basicamente, é um cilindro em rotação no qual o visitante entra e tenta atravessa. Ao sair, a sensação é um pouco parecida como quando ficamos rodando em círculos.

No Infinity Room, com espelhos no teto, dá para se divertir com a ilusão ótima do espaço infinito. Já o Rotated Room é a oportunidade de ver o mundo de outro ângulo, como se você andasse no teto, e ter fotos incríveis. Além dessas atrações, há várias outras com truques divertidos e ilusões que ensinam sobre percepção e visão.

O Museum of Illusions garante momentos divertidos e curiosos – Crédito: Divulgação

O Museum of Illusions fica pertinho do St Lawrence Market e dá para combinar as duas visitas. O valor da entrada para adultos é de 23,80 dólares canadenses e também tem um combo de ingressos para famílias que fica mais em conta. O site é: https://museumofillusions.ca/

Tour de barco
Se quiser conhecer a cidade de um jeito diferente, principalmente nas épocas mais quentes do ano, dá para fazer um tour de barco. É possível ver de perto as ilhas de Toronto que ficam no Lago Ontario.

Uma das boas pedidas é o Scenic Toronto Harbour Tours da Mariposa Cruises. É um passeio de 45 minutos saindo de Queens Quay West, no Waterfront da cidade.

O guia fala em inglês e vai explicando sobre a cidade, as ilhas e as pontes. O centro de Toronto com a clássica CN Tower visto do lago é uma imagem imperdível. Aproveite também para observar os pássaros pelo caminho, incluindo os patos.

O valor do tour para adultos é de 25,95 dólares canadenses mais taxas. O site é mariposacruises.com.

Cidade vista em tour de barco – Crédito: Sylvia Barreto

Adrenalina no Canada´s Wonderland
Sobrou um tempinho e você adora parque de diversão? Então dê um pulinho no Canada´s Wonderland, a apenas 30 minutos do centro de Toronto.

O parque é cheio de montanhas-russas, mas a mais nova delas é a Yukon Striker. Ela é considerada a montanha-russa com o mergulho dos carrinhos mais longo e rápido do mundo.

Essa montanha-russa pertinho de Toronto tem velocidade de 130 km/h, incluindo o mergulho de 74,6 metros. Os passageiros da Yukon Dive param no topo da descida por três segundo e, depois, descem em um ângulo de 90 graus até um túnel subaquático. Vai encarar?

O ingresso para adultos custa 39,90 dólares canadenses. Para mais informações sobre o parque, acesse: www.canadaswonderland.com

Yukon Striker no parque Canada´s Wonderland – Crédito: Divulgação

Onde ficar em Toronto?
Toronto tem uma boa oferta hoteleira com empreendimentos dos mais econômicos até os mais luxuosos. Na última viagem à cidade, o Viajar é Simples foi recebido no Delta Hotels Toronto.

A localização dele não podia ser melhor, tem a Union Station ao lado e a CN Tower e o Ripley´s Aquarium em frente. Na hora de reservar, dá para escolher quarto com vista para o Lago Ontario, é incrível.

Para completar, o hotel tem piscina e hidromassagem cobertas e aquecidas, além de academia grande. Ao lado do saguão, restaurantes que servem todas as refeições. O café da manhã estilo buffet pode ser incluído na diárias e é bem farto.

Os hóspedes que optam por ficar em suítes Club Lounge têm acesso a um espaço reservado no último andar com vista linda da cidade. No espaço são servidos alguns snacks e tem bebidas gratuitas. Para saber mais, clique aqui.

Vista de um dos quartos do Delta Hotels Toronto – Crédito: Sylvia Barreto

Resolva sua viagem!
Vai aproveitar as dicas de Toronto? Então ajude o Viajar é Simples a continuar produzindo ainda mais conteúdo e faça suas reservas com nossos parceiros. Assim, o site ganha uma pequena comissão, você não paga nada por isso e nos ajuda.

Para hotel, basta clicar aqui e fazer sua reserva pelo Booking.com. A empresa garante os melhores preços do mercado e além de hotéis, oferece aluguel de apartamentos em algumas cidades.

Como você não vai querer gastar rios de dinheiro caso tenha qualquer imprevisto no Canadá, não deixe de ir com seguro viagem, só clicar aqui e reservar o seu on-line no parceiro Affinity Seguro. Dá para parcelar nos cartões de crédito. Caso esteja viajando em família, selecione a opção “Cotar Plano Familiar” para ter preços ainda melhores.

E, para não ficar desconectado é só usar o chip Flexiroam que funciona em 140 países, incluindo o Canadá. Leitor do Viajar é Simples tem cupom de 10% de desconto. Acesse aqui para saber mais.

Voando para Toronto

A única companhia aérea com voo direto entre Brasil e Canadá é a Air Canada. Conheça a experiência de voo no vídeo abaixo:

Serviço
Site oficial de turismo de Toronto: www.seetorontonow.com

*A repórter viajou com apoio a Air Canada, Delta Hotels Toronto e See Toronto

ENVIAR COMENTÁRIO

0 Comentários