Água entra da doca seca para que o Seashore flutue pela primeira vez - Crédito: Divulgação

Navio MSC Seashore faz teste de flutuação e entra em nova fase de construção

por: Redação
20 de agosto 2020

O navio MSC Seashore passou pelo teste de flutuação hoje (20/08) no estaleiro Fincantieri, em Monfalcone, na Itália. Este é um marco importante na construção do navio, pois é a primeira vez que a nova embarcação toca a água e entra na próxima fase de construção.

O MSC Seashore será a embarcação mais longa da companhia de cruzeiros com 339 metros. Ele, que também será o maior e mais inovador navio construído na Itália, foi agora transferido para uma doca molhada, onde ficará até a sua entrega, em julho de 2021, para permitir o trabalho em seu interior.

O MSC Seashore se tornará o terceiro de um total de quatro navios da classe de navios Seaside da MSC Cruzeiros, após o MSC Seaside e o MSC Seaview que foram lançados em 2017 e 2018, respectivamente, e o primeiro de dois navios Seaside Evo enriquecidos com espaços públicos recém-projetados, mais cabines e a maior proporção de espaço ao ar livre por hóspede de qualquer navio da frota da MSC. Mais de 65% do navio foi aprimorado para fazer do MSC Seashore uma evolução significativa de seus navios irmãos.

“O teste de flutuação sempre foi um dos momentos mais gratificantes para quem está envolvido na construção de um navio. É também a ocasião para reforçar ainda mais o comprometimento de todos, pois quando o navio toca a água, muito trabalho já foi feito, mas muito mais ainda está pela frente. Isso se aplica ainda mais ao MSC Seashore, que se tornará o novo navio da MSC Cruzeiros: um fenômeno que concentra inovação, tecnologia e design, e enfatiza a liderança do Fincantieri ”,  comentou Giuseppe Bono, CEO do Fincantieri.

Representantes da MSC abrem juntos válvulas para teste de flutuação do Seashore – Crédito: Divulgação

Tecnologia ambiental recente e atualizada

O navio MSC Seashore terá capacidade máxima de 5.877 hóspedes e será equipado com as mais recentes tecnologias para minimizar o seu impacto ambiental.

Assim como os outros navios icônicos da geração Seaside, oferece uma variedade de recursos de design de tirar o fôlego que permite que os hóspedes se conectem com o mar, como a Ponte dos Suspiros, elevadores panorâmicos e elegantes passarelas de vidro. Alguns dos novos aprimoramentos incluem o comprimento estendido do navio em 16 metros, 10.000 metros quadrados de espaço adicional para uma melhor experiência a bordo e mais espaçosa.

O MSC Seashore oferecerá uma gama mais ampla de acomodações com mais suítes, incluindo mais 28 suítes com terraço, duas suítes com hidromassagem privativa e o MSC Yacht Club terá duas novas categorias de cabines com 41 Deluxe Grand Suites e duas Owner’s Suites com hidromassagem.

As famílias poderão se beneficiar de cabines conectadas que ligam duas ou três cabines contíguas e podem acomodar entre seis e 10 pessoas, além de cabines maiores e mais espaçosas para hóspedes com deficiência – 75 no total – estarão disponíveis.

Dois novos restaurantes serão apresentados e cinco restaurantes de especialidades estarão localizados em uma nova posição para permitir mesas à beira-mar na deslumbrante promenade do navio e dar aos hóspedes uma linda vista do mar enquanto fazem a sua refeição ao ar livre.

O MSC Seashore terá um novo lounge de dois andares na popa do navio, e 20 diferentes bares, cafés e lounges. O navio contará com um novo design de piscina na popa, uma piscina coberta ampliada e um novo parque aquático interativo que proporcionará emoções e arrepios para hóspedes de todas as idades. Os espaços dedicados para crianças e adolescentes foram separados em uma área infantil maior.

No verão de 2021 do hemisfério norte, todos os três navios da classe Seaside serão posicionados juntos no Mediterrâneo Ocidental. Esses navios foram projetados para climas mais quentes, tornando-os perfeitos para a temporada de verão para os hóspedes que desejam aproveitar o sol e as vistas deslumbrantes do oceano nesta popular região de cruzeiros.

O MSC Seashore oferecerá o popular itinerário “Six Pearls” (Seis Pérolas) na cidade italiana de Gênova e, visitas a Pompéia, em Nápoles; Messina, na Sicília; Valeta, em Malta; Barcelona, na Espanha, e Marselha, na França. O MSC Seaside e o MSC Seaview operarão os sempre populares cruzeiros de sete noites no Mediterrâneo Ocidental, a partir de Gênova.

Para obter mais informações sobre o MSC Seashore, visite www.msccruzeiros.com.br.

 

Tags: MSC Seashore , msc , cruzeiros ,

ENVIAR COMENTÁRIO

0 Comentários